Creme depilatório Skin So Soft da Avon

27.11.15

Logo antes de começar esse post, quero dizer algumas coisas.
Ter pelos é absolutamente natural e você não é obrigada a removê-los se não quiser. Esse preconceito que nossa sociedade tem com pelos - aliás, com mulheres com pelos pq né não existe o mesmo tabu com os pêlos dos homens - é fruto do famigerado machismo, todo mundo já sabe e quem nega só pode ter um parafuso a menos, ou é daquele tipo de pessoa nojenta que faz de conta que não entende as coisas só pra ser do contra.

De forma alguma quero passar em meu blog a mensagem de que a depilação é algo obrigatório ou essencial para toda e qualquer mulher, pois não é.
Apenas quero mostrar aqui uma resenha que pode servir para quem gosta de se depilar e se esse não é o seu caso, tenho certeza que vai gostar de outros posts aqui do blog. Dito isso, vamos adiante.
Antes desse creme eu já havia usado o da Veet, que me deu uma irritação terrível e me deixou com uma péssima impressão de cremes depilatórios. Felizmente eu ganhei esse aí de presente de uma revendedora e adorei.

Esse creme depilatório da Avon se tornou meu método preferido de remover os pelos sem dor. Usei ele em várias regiões do corpo: no rosto, para remover os pelos do buço, da bochecha e excesso de sobrancelha, nas pernas e na também para depilação íntima.

Na embalagem diz que ele pode ser usado para depilação íntima, inclusive de mucosas. Eu usei sem medo e tudo ocorreu bem. Deixo agir cinco minutos e removo com toalha molhada em água bem morna. Inclusive essa orientação de usar água morna faz toda diferença.

Esse aí já está vazio, mas já encomendei outro pois não quero mais ficar sem. No catálogo da Avon ele custa entre R$ 18 e R$ 22 e vale a pena pois é muito gentil com a pele e vem 125g de produto.

O cheiro é aquela coisa química, mas isso é normal desse tipo de produto. Afinal, é um troço que derrete pelo, não tem como ter um cheiro muito bom (imagino). Mas não é mais forte que cheiro de tintura de cabelo, por exemplo.

PODERÁ GOSTAR TAMBÉM

0 respostas

Google+ Followers