Testei: técnica baking com pó talco

1.7.16

Confesso que até hoje não aprendi a gostar da técnica baking. Já testei com vários tipos de pó diferentes e acho que não fica bem pra mim. Tenho 23 anos, mas já tenho umas linhas finas ao redor dos olhos e na testa, que ficam evidenciadas quando passo maquiagem. Sempre tenho a impressão de que essas linhas ficaram ainda piores quando tentei fazer essa técnica. Na verdade eu acho que nem são linhas finas mesmo, mas estou ficando um pouco paranóica com isso.
E aí esses dias tenho assistido muitos vídeos de maquiadores trabalhando no rosto de clientes, tanto vídeos brasileiros quanto gringos e percebi que os gringos usam MUITO a técnica de baking nas clientes, para fazer a maquiagem durar o máximo possível.
E então comecei a pesquisar sobre essa técnica e encontrei algo inusitado... Gente fazendo baking com pó talco. Sim, o talco de bebê! Eu pensei, "putz, que coisa esperta! Certamente o talco faz a maquiagem durar muuuuito pois é feito pra deixar um bebê sequinho a noite toda".
Eu não aguentei e precisei testar e fazer um post disso aqui no blog.
Comprei esse talco da Granado, pois era menor e mais barato do que o Jhonson. Fiz minha foundation normalmente, mas passei corretivo do tom da minha pele em vez de passar um corretivo mais claro, pois eu queria ver se o pó deixaria as áreas de baking mais esbranquiçadas. Só o que fiz em relação a contorno foi passar corretivo escuro na área das bochechas, da testa e do nariz.
Não consegui deixar os 10min indicados, devo ter deixado 5min no máximo e já esfumei.
Mas na forma de aplicar, fiz igualzinho nos vídeos que vi: passei o talco bem acumulado nas áreas de iluminação (com esponja abaulada), e enquanto o talco estava "cozinhando" eu fui passando contorno e blush.
Depois de esperar cerca de 5min, peguei um pincel de pó e fui "varrendo" os excessos, ao mesmo tempo que ia arrastando esses excessos para as outras áreas do rosto que estavam sem pó.
E o resultado foi esse:
 Agora seguem minhas considerações sobre essa técnica:

Deixa esbranquiçado?
No meu teste não deixou. Mas eu sou branca né. Em alguns vídeos que vi de negras fazendo, deu uma esbranquiçada de leve só nas áreas onde elas acumularam. Mas nada de efeito fantasminha, achei que ficou um iluminado muito bonito.
Dá flash back?
Não dá flash back!
É seguro usar isso no rosto?
Por ser feito para bebês, não tem nenhum ingrediente tóxico ou alergênico na composição. Só não pode deixar cair nos olhos e nem inalar, como qualquer outro pó de maquiagem.
Como fica a textura?
Praticamente não adiciona textura no rosto. Também não evidenciou minhas "linhas finas" por ser um pó ultratriturado.
Funciona bem pra baking?
Acho que para baking em si não funciona bem, a não ser que você capriche no corretivo mais claro. Mas como pó translúcido, aplicado em pouca quantidade acho que fica ótimo.
Faz a maquiagem durar mesmo?
Deixa a pele SUPER matte e a maquiagem dura muito mesmo.
Vou continuar usando?
Acho que vou continuar usando só em mim mesma, quando eu quiser sair maquiada durante o dia (pelo fato de aumentar a duração) e também para fotos aqui pro blog. Mas vou usar como pó translúcido e não como baking.
Acho que é válido sim.
Não quero mais fazer essa técnica baking em mim mesma pelo fato de minha pele ser muito seca e eu não gostar dessas regiões super matte (principalmente abaixo dos olhos).
Espero que tenham gostado do post, até a próxima!

PODERÁ GOSTAR TAMBÉM

0 respostas

Google+ Followers